Fan Page | Edimar Santos

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Justiça afasta prefeito na região

Luis Fernando Dolenz
A Justiça de Joaquim decretou o afastamento do prefeito de Quatiguá Luis Fernando Dolenz no final da tarde desta segunda-feira, dia 23.A peça jurídica indica : "constatou-se que na condição de prefeito, em conluio com os demais requeridos, quais sejam, (funcionária do Hospital como nutricionista e filha do chefe do executivo) e Isabella Alves Dolenz e Marco Aurélio Souza (na época secretário municipal de saúde,diretor administrativo do Hospital e noivo de Isabella), durante o ano de 2.013, desviaram e se apropriaram, indevidamente, de verbas públicas pertencentes ao Hospital de Caridade São Vicente de Paulo,pessoa jurídica de direito privado que recebia mensalmente subvenções do próprio Município de Quatiguá, através do repasse pelo convênio nº 01/2013". 

Os golpes, segundo a Justiça,eram perpetrados por meio de simulação de pagamentos de plantões aos médicos prestadores de serviço, por intermédio de recibos de pagamento autônomo (RPA), pagamentos que nunca foram realizados os prestadores, mas destinados aos requeridos, diretamente ou através de laranjas, por meio de cheques nominais. 

A vice-prefeita Vilma Ciconhini(PSDB) não poderá assumir o cargo porque pediu afastamento em novembro de 2013,argumentando que teria prejuízos à sua aposentadoria como pedagoga. Quem deverá assumir a função é a presidente da Câmara de Vereadores, Leila Salvi(PR). 

Um inquérito civil instaurado pelo Ministério Público foi instaurado após denúncia do delegado de polícia civil de Joaquim Távora Rubens José Perez, protocolado na Cartório Criminal, em que pedia uma investigação minuciosa para apurar os crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.O promotor Fabrício Muniz Sabage trabalhou no caso,que possui diversas cópias de cheques, que podem ter sido utilizados para pagamentos de médicos, mas que esse dinheiro, segundo o depoimento dos próprios médicos, e rastreamento dos depósitos, nunca chegou às mãos deles. Há também notas referentes pretensas compras de remédios efetuados na Farmácia Santa Inês, de propriedade da família do prefeito, além de indícios de “laranjas”, e até depósitos realizados a partir de maio de 2013 na conta corrente do pai do prefeito, falecido em janeiro de 2013. 

A ação foi instaurada, após a denúncia da atual provedora Cristiane Dargel Ferreira, que encaminhou cópias de documentos e cheques do hospital ao delegado. Os pagamentos em questão são todos controversos. Uma das divergências pode ser notada num cheque no valor de R$ 4.980,00 utilizado para o pagamento de um plantão realizado pela médica Jusselem Maria Costa, conforme recibo RPA (Recibo de Pagamento a Autônomo) que contém o nome dela e até a assinatura de Jusselem, mas se apresenta nominal ao ex-gestor e ex-secretário da saúde. 

Há várias outras evidências de suposta fraude. A Justiça também decretou a indisponibilidade dos bens de Fernando e dos outros envolvidos até o limite do dano (multa civil,ressarcimento e danos morais) total de R$ 750 mil.
fonte NP Diário

Aprovado 13,01% para servidor de Jacarezinho

prefeito Sérgio Eduardo de Faria
A Câmara de Jacarezinho votou na noite desta segunda-feira,dia 23, o Projeto de Lei 01/2015 que visa o reajuste dos vencimentos dos funcionários públicos municipais vinculados ao Poder Executivo em 13,01%. Mesmo com a aprovação no final do mês de fevereiro ele é retroativo aos vencimentos do mês de janeiro.

 Participaram da votação de aprovação os vereadores Valdir Maldonado (PDT), Diogo Augusto Biato Filho (PSB), Fabiano Saad (PSB), Francisco Carlos de Moraes (DEM), Fúlvio Boberg (PMDB), José Izaías Gomes, o Zola (PT), Luciane Alves (PT), Marcos Aparecido Ganzela, o Marcos Colosso (DEM) e Ricardo Toneti, o Fucinho (PT).

 Para o autor do projeto, o prefeito Sérgio Eduardo de Faria, do DEM, é um marca durante sua gestão a valorização do funcionalismo público. “Não estamos medindo esforços para podermos dar qualidade para nossos funcionários em suas áreas especificas. Isto tem que ser refletido no atendimento à comunidade”, argumenta.

 O prefeito de Jacarezinho ainda ressalta que durante os últimos três anos foram reajustado o salário dos funcionários em aproximadamente 29%, sendo que em 2013 foram 8% e 2014 mais 8,41%. “Esta é uma grande parceria que temos com a Câmara Municipal. Pois eles nunca mediram esforços para a análise e votação dos projetos que beneficiam os nossos funcionários”, argumenta Dr. Sérgio.

 Outro ponto que o Chefe do Poder Executivo ressalta é que já foi aprovado em orçamento o “Vale Alimentação” de R$ 100,00 para o funcionalismo público. “Sei que ainda é pouco, mas não podemos comprometer o orçamento municipal. Pretendemos ir ampliando gradualmente. Estamos vendo a parte legal para não ser considerado incorporação de salário e ter que pagar os impostos”, complementa.
fonte NP Diário

Romanelli anuncia acordo

Luiz Claudio Romanelli

Fim da greve?

O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Luiz Cláudio Romanelli, do PMDB, anunciou agora há pouco, durante a sessão plenária, que governo e professores chegaram a um acordo para pôr fim à greve.

O acordo, segundo ele, foi firmado hoje, embora tenha que ser votado – e aprovado – em assembleia da categoria.

O acordo, segundo ele, passa pela retirada definitiva dos projetos que geram a greve; pelo pagamento do terço de férias que, anunciou, será feito, de forma integral, na folha do mês de março,

Romanelli afirmou também que o governo pagou ontem, um total de 7 milhões de reais referente a rescisão de contratos dos professores contratados por Processo Seletivo Simplificado (PSS).

Sobre outros pontos da pauta de negociações Romanelli anunciou que haverá a retomada do porte das escolas relativo a dezembro de 2014, além da retomada de aulas de apoio, educação física e Celem, o restabelecimento do programa Mais Educação e Hora Atendimento.

-- O governo também fará o repasse adicional do fundo rotativo, em duas parcelas. O PDE está assegurado a partir de agosto. As promoções e progressões cujas implantações estão atrasadas serão pagas, em maio para os servidores e em junho para os professores, garantiu.

Em relação à ParanáPrevidência, Romanelli anunciou que o governo do Estado não apresentará projeto extinguindo o fundo de previdência.

-- O Fórum das Entidades Sindicais e a APP Sindicato serão chamados para a discussão. O governo apresentará várias alternativas para a reformulação da ParanáPrevidência, que serão amplamente debatidas com representantes dos servidores públicos, afirmou.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Prefeitos consideram concurso para SAMU oneroso

Os prefeitos, prefeitas e secretários municipais da saúde realizaram nesta sexta-feira (20), reunião para discussão sobre o TAC (Termo de Ajuste de Conduta) proposto pelo Ministério Público, para que o CISNOP realize concurso público para o funcionamento do SAMU.

Os prefeitos entendem que o concurso é totalmente desnecessário e prejudicial as finanças dos municípios, pois atualmente o CISNOP repassa R$ 735 mil para empresa terceirizada realizar todos os serviços e, com a contratação por concurso público o custo operacional dos serviços subirá para R$ 950 mil mensais, conforme planilha apresentada aos presentes. 

Em 30 de abril vence o prazo do TAC para aprovação do organograma de cargos e funções, em 30 de agosto vence o prazo para realização de concurso público .

Foi deliberado que seja SOLICITADO ao Ministério Público a prorrogação dos prazos, bem como seja realizado reunião com MP, técnicos, prefeitos, secretários da saúde, diretores das regionais de saúde de Cornélio Procópio e Jacarezinho, para ampla discussão sobre o impacto financeiro e as obrigações patronais que recaíram sobre o CISNOP. 




Ministério Público exige cumprimento de carga horária e médicos pedem demissão

Uma recomendação expedida em outubro de 2014 pelo Ministério Público Federal em Jacarezinho, tem resultado em pedidos de demissão por parte dos médicos nos postos de saúde de municípios do Norte Pioneiro. A recomendação exige que esses profissionais cumpram a jornada de trabalho de oito horas, conforme estabelece a maioria dos contratos, e o registro feito em ponto eletrônico, como fazem os demais servidores da saúde.

A exigência do Ministério Público, publicada no dia 14 de outubro previa um prazo de 60 dias para aplicação do novo método de trabalho. A medida é válida para médicos concursados e contratados, mas causou o desligamento principalmente dos profissionais não concursados que mantinham contrato de trabalho pelo Programa de Saúde da Família (PSF), com a alegação de que as oito horas exigidas não têm compensação financeira suficiente, além de dificultar a jornada de trabalho em outros municípios e em seus consultórios particulares. Mesmo com o salário integral da jornada pago pelas prefeituras, que são responsáveis pela gestão do programa, a maioria dos médicos trabalha somente no sistema de agendamento de consultas, sem cumprimento de carga horária.

É o caso de Ribeirão Claro, onde após a adoção da medida, um dos médicos que atende no PSF pediu demissão e o outro, que está de férias, já manifestou o desejo de interromper o vínculo empregatício assim que retornar às atividades. Segundo a secretária de Saúde, Ana Maria Baggio Molini, a resolução coloca os municípios em uma "situação delicada". "Mantive contato com juristas e gestores de saúde da região e não há outra alternativa senão aplicar a recomendação do MP", afirma. "Para nós, que somos uma cidade pequena, a maneira como estávamos trabalhando era o suficiente para atender nossas necessidades", lamenta ela admitindo a irregularidade. "Muitas cidades do Norte Pioneiro vão ficar sem atendimento médico ou serão denunciadas ao Ministério Público Federal", complementa.

Para resolver o problema provisoriamente, a prefeitura fará a aquisição de consultas avulsas com médicos da região, até que um concurso público seja realizado ainda este ano, para contratação de dois médicos para jornadas de quatro horas, resolvendo a questão em definitivo. "O prefeito já autorizou e acionamos nosso departamento jurídico para lançarmos os editais o mais rápido possível", antecipou.

Em Santo Antônio da Platina, a situação é semelhante. Dez profissionais trabalham nos postos de saúde do município, com apenas dois concursados.

Cresce número de doações de órgãos e transplantes no Paraná

O Estado do Paraná obteve um excelente desempenho na área de transplantes e doações de órgãos neste último mês de janeiro. Em comparação com o mesmo período do ano passado, o número de doações concretizadas dobrou - passando de 12 para 24 - enquanto o número de transplantes aumentou em 85%, subindo de 21 para 39 procedimentos.
De acordo com o secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto, os dados apontam que o trabalho de conscientização da população e capacitação das equipes envolvidas no processo de captação e transplantes está dando resultado. “Esses números mostram que o Paraná está no caminho certo para reduzir ainda mais a fila de espera por um órgão. São cerca de 2 mil paranaenses que ainda dependem deste gesto de amor e solidariedade”, disse.

A partir de 2011, o Governo do Paraná adotou uma série de medidas para melhorar o fluxo de captações e transplantes no Estado. Uma das ações foi a ampliação do uso da frota aérea estadual para o transporte de órgãos e equipes médicas. Todas as mudanças fizeram que o Paraná saltasse do décimo para o terceiro lugar no ranking de Estados com os melhores desempenhos no setor de transplantes.

FILA – Contudo, a lista de espera por um transplante de órgão no Paraná ainda tem 2.148 pacientes cadastrados. Destes, 1.556 já estão totalmente aptos a serem submetidos ao procedimento. Os outros 592 ainda são considerados receptadores inativos, pois precisam de exames complementares.

Atualmente, a maior demanda é por transplantes de rim, com 1.119 pacientes ativos na fila. Em seguida, vêm os pacientes que necessitam de córnea (289), fígado (102) e coração (38).

MP descarta irregularidades em reformas de postos de saúde


O prefeito Alexandre Kireeff (PSD) usou o Facebook nesta sexta-feira (20) para informar que a Promotoria de Defesa do Patrimônio Público de Londrina resolver arquivar denúncia do Observatório de Gestão Pública referente às supostas irregularidades descobertas nas reformas de seis postos de saúde da cidade. O chefe do Executivo publicou na rede social uma foto da última página do processo em que o Ministério Público (MP) decide pelo arquivamento.

As supostas irregularidades foram levantadas pelo Observatório em novembro do ano passado, durante visita às referidas unidades básicas de saúde (UBS). Representantes do órgão foram até os postos dos bairros Parigot de Souza, Imagawa/Cabo Frio, Tóquio, Santiago, vila Portuguesa e Milton Gavetti e descobriram problemas nos acabamentos das reformas. As obras custaram R$ 1,2 milhão aos cofres públicos.


Etanol melhora rendimento nos novos carros flex

O etanol rende mais nos novos automóveis flex que nos veículos lançados em anos anteriores. É o que revelam os testes da sétima edição do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBE Veicular), do Inmetro, divulgada em janeiro.

A avaliação de 319 carros bicombustíveis de 15 marcas indica que, nos veículos modelo 2015 à venda no país, o derivado da cana alcança em média 68,7% do rendimento da gasolina no trânsito urbano e 69,3% na estrada.

Esses são os índices mais altos já alcançados no programa, que teve início em 2009 e todos os anos faz testes com veículos fornecidos pelas montadoras. Na edição anterior do PBE Veicular, com carros modelo 2014, a relação média era de 68,1% na cidade e 68,7% na rodovia.

Os testes foram feitos com a gasolina comum disponível atualmente nos postos de combustíveis, que leva 25% de álcool. Se a mistura subir a 27%, o que pode ocorrer em breve, o rendimento do derivado do petróleo pode baixar um pouco.

Vantagem: A comparação entre a eficiência energética dos combustíveis é parâmetro para decidir qual é o mais vantajoso conforme os preços do momento. Num carro em que o álcool rende o equivalente a 67% da gasolina, por exemplo, vai compensar abastecer com ele sempre que seu custo na bomba ficar abaixo de 67% do preço do derivado do petróleo.

Na maioria dos veículos, o etanol não alcança 70% do rendimento da gasolina, mas a cada ano cresce o número de modelos que atinge ou ultrapassa essa marca. Nos testes do PBE Veicular do ano passado, em apenas 17% dos carros avaliados o etanol rendia 70% ou mais rodando na cidade, e 33% alcançavam esse rendimento na estrada. Em 2015, 31% dos automóveis já alcançam ou superam a marca de 70% no trânsito urbano e 39%, na rodovia.

fonte Gazeta do Povo

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Campanha da Fraternidade 2015 quer aprofundar diálogo entre Igreja e sociedade

A Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) lançou a Campanha da Fraternidade 2015. O tema escolhido este ano é Fraternidade: Igreja e Sociedade e o lema "Eu vim para servir". A ideia é aprofundar, a partir do Evangelho, o diálogo e a colaboração entre a Igreja e a sociedade como serviço ao povo brasileiro.

A campanha propõe ainda buscar novos métodos, atitudes e linguagens na missão da Igreja de levar a palavra a cada pessoa. O secretário-geral da CNBB, dom Leonardo Ulrich Steiner, lembrou que o momento escolhido para o lançamento da campanha – o início da Quaresma – é considerado de extrema importância para a Igreja. "Queremos ajudar a construir uma sociedade mais humana e mais divina", disse. "Sermos pessoas de fermento na massa. Esse é o desejo da campanha."

Durante a cerimônia, o ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, destacou o compromisso do governo com a emancipação dos pobres. "Defendemos os pobres, não a pobreza. Queremos que os pobres se libertem", disse. "Queremos que as pessoas se tornem protagonistas, sujeitos de sua vida e de sua história."

Saiba o que fazer para se previnir contra a febre maculosa


Médico veterinário da Vigilância Ambiental defende que cuidados preventivos são essenciais no combate à doença. Duas pessoas morreram em um mês no Paraná, sendo uma em Londrina

Com duas mortes recentes confirmadas no Paraná – sendo uma em Londrina, a febre maculosa voltou a ser motivo de preocupação.

“É claro que é uma doença grave, mas a população não precisa se apavorar por conta disso. O clima de Londrina é favorável para o ciclo do carrapato estrela [hospedeiro da bactéria causadora da doença] e isso quer dizer que é impossível eliminar todos os carrapatos, mas dá para controlar”, defende o médico veterinário da Vigilância Ambiental, Valmor Venturini.

O médico veterinário lembra que nem todo o carrapato estrela está contaminado com a bactéria Rickettsia rickettsii, causadora da doença. No entanto, não existem pesquisas para determinar o nível de contaminação na região de Londrina. Desta forma, Venturini defende que é importante manter gramas bem aparadas e os animais de sangue quente – como cachorros, cavalos e capivaras – bem cuidados.

“Visitas frequentes ao médico veterinário são importantes para eliminar a presença dos carrapatos. Muita gente acredita que eliminar fundos de vale, onde há matos e animais, seria uma solução, mas já encontrei carrapatos até mesmo em casas todas azulejadas. Então, não ter mato, não é garantia de prevenção.”

Sem vacina

Como não existe vacina contra a febre maculosa, Venturini afirma que em casos de suspeita de carrapatos contaminados, é preciso acionar a Vigilância Ambiental. “Infelizmente não temos estrutura para a ação de eliminar o carrapato, mas podemos dar as orientações.”

Pessoas que acreditam que podem ter sido contaminadas, devem procurar um médico e comunicar ao profissional a suspeita, especialmente, se teve contato com animais de sangue quente ou em solos onde há possibilidade da presença do carrapato estrela.

“O problema é que muitas vezes o diagnóstico é demorado porque as zoonoses são as últimas coisas a serem cogitadas em uma consulta médica”, critica.

Sintomas

Entre os agravantes da doença está o fato de que os sintomas da febre maculosa são parecidos com o de outras infecções: febre alta, dor no corpo, dor da cabeça, inapetência e desânimo.

Depois, aparecem pequenas manchas avermelhadas. Elas podem ser pequenas e salientes, como picadas de pulgas, ou até provocar pequenas hemorragias subcutâneas. A diferença para doenças como sarampo, rubéola e dengue hemorrágica é que as erupções causadas pela febre maculosa podem aparecer, também, nas palmas das mãos e plantas dos pés.

Em sua página oficial, o médico Dráuzio Varella explica que tudo isso é causado por uma bactéria que cai na corrente sanguínea e causa lesões nas camadas internas dos vasos, problema conhecido como vasculite. Os primeiros sintomas aparecem de dois a quatorze dias depois da picada. Na imensa maioria dos casos, sete dias depois.


Câmara instaurou CEI da Saúde em Ibaiti

Sidnei Robis (PTB)
A Câmara de Vereadores de Ibaiti abriu, na tarde desta quarta-feira, dia 18,uma Comissão Especial de Investigação (CEI) para apurar supostas irregularidades na saúde do Município. O requerimento foi elaborado por um grupo de vereadores da cidade e solicita explicações sobre alguns procedimentos adotados pela Fundação Hospitalar de Saúde do Município de Ibaiti (FHSMI) e Secretaria Municipal de Saúde. 

Conforme explicou o presidente do legislativo de Ibaiti, Sidinei Robis de Oliveira (PTB),o objetivo é investigar a situação financeira, pagamentos das obrigações contraídas, contratações de pessoal, desvio de função de servidores, pagamentos de médicos, procedimentos licitatórios de aquisição de bens e serviços, aquisição de medicamentos e transporte de pacientes, concursos públicos, obrigações previdenciárias, ampliação de prédios/reformas, bem como o zelo pelo patrimônio público, na Fundação Hospitalar de Saúde de Ibaiti e também na Secretária Municipal de Saúde, referente aos últimos 10 anos, ou seja, entre os anos de 2004 e 2014.

A Comissão de Investigação tem a seguinte composição: Dilma de Fátima Barbosa Alves (PSB), Ledemilson Carlos de Morais (PSB), e Paulo Sérgio Costa de Souza (PSD)
Sidinei Robis esclarece que, entre os pontos a serem esclarecidos, está a inadimplência da Fundação junto aos fornecedores e prestadores de serviços da saúde na cidade.
O prefeito Beto Regazzo(PSB) foi procurado, mas o celular estava desligado.

Falso médico é preso por golpe em agricultores em Londrina

foto ilustrativa
A Delegacia de Furtos e Roubos prendeu o chefe de um esquema que lesava agricultores durante a compra de tratores com cheques clonados. O estelionatário Adriano Pedroso, 38 anos, foi detido em sua residência em Londrina em cumprimento ao mandado de prisão emitido pela Justiça.

Em entrevista ao portal Bonde, o delegado Edgar Soriani, responsável pela investigação, informou que a quadrilha procurava anúncios de venda de tratores e máquinas agrícolas nos jornais e entrava em contato com as vítimas.

"Ele se apresentava como médico para dar mais credibilidade ao negócio e comprava os tratores com cheques fraudados. Em seguida, uma transportadora era contratada para deixar o trator em um local isolado. O estelionatário justificava que iria terminar o serviço e levar o trator até sua propriedade particular", revelou o delegado.

Dois tratores foram localizados na região de Londrina e outros dois veículos continuam sendo procurados, além de um elevador de cargas. A Polícia Civil já havia detidos outros integrantes da quadrilha e apura a participação de mais pessoas no esquema.
fonte portal Bonde
Ocorreu um erro neste gadget