Fan Page | Edimar Santos

sábado, 16 de maio de 2015

Juan da Veipa descarta união com prefeito Luiz Alberto

Matheus, Edimar Santos e Juan da Veipa

Em viagem pela Europa, o empresário Juan da Veipa (PSC) descartou qualquer possibilidade de união com o prefeito Luiz Alberto Vicente (PSDB) para as eleições de 2016.

Segundo Juan, a proposta é a união das oposições para lançamento de um nome de consenso para enfrentar justamente a reeleição do tucano Luiz Mestiço.

Daquele grupo podem ser candidatos a prefeito: o ex-prefeito Tuti Bomtempo, a ex-primeira-dama Neusa Maria Varella Bomtempo, o empresário Juan da Veipa e o editor do site Revelia, Mattheus Hermanny.

Declarações de Juan da Veipa feitas na manhã desta segunda-feira (11) descartam também afirmação do blog Sol Nascente e do Jornal Metropolitano, da rádio Studio FM, de que o deputado federal licenciado e atual secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Ratinho Júnior, "sugeriu aproximação do prefeito Luiz Mestiço com o empresário Juan da Veipa (PSC) em uma dobradinha em Assaí para as eleições 2016".

Ainda segundo o blog Sol Nascente, "tudo pode acontecer já que Dr. Mário Sato, atual vice-prefeito, já manifestou decisão de não mais concorrer a cargo público ano que vem. Ficando só no apoio político a Luiz Mestiço".

No entanto, tal hipótese já foi descartada pessoalmente pelo empresário Juan da Veipa.
 
fonte: Revelia

Morador diz que médico não está trabalhando por falta de pagamento


Paulo Diniz escreveu no Facebook: "Estou indignado. Hoje fui marcar meu retorno com o cardio Dr. Paulo, e me disseram que ele não está mais atendendo porque não está recebendo. (Que) Alguém possa me explicar isso. Trabalhar de graça não dá".

O morador Paulo Diniz relatou por meio da rede social que o cardiologista Paulo Edson Medeiros não está mais atendendo no Hospital Municipal de Assaí, devido à falta de pagamento pelos serviços prestados.

O hospital é gerenciado pelo município que retomou o controle daquele estabelecimento de saúde em setembro de 2013, com o rompimento da terceirização até então com o Instituto de Saúde Pró-Vida.

Segundo Francisco Vieira Filho, do Pró-Vida, "além de não pagar os médicos, o Hospital funciona com os equipamentos do Pró-Vida. Já vai completar 2 anos. Confiscaram os equipamentos do Pró-Vida".

Decisão judicial reteve equipamentos do Instituto de Saúde Pró-Vida. No entanto, não se compreende como a Justiça Trabalhista penhora ativos de uma empresa, inviabilizando a prestação de serviços e, por conseqüência, o levantamento de recursos para pagamento de sua dívidas. Além disso, equipamentos do Pró-Vida têm sido utilizados por outrem, sem o pagamento de aluguel.

A seguir o relato do usuário do SUS (Sistema Único de Saúde), Paulo Diniz, sobre atendimento em Assaí, no norte do Paraná:

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Romanelli quer construção de novo Fórum para Nova Fátima

O prefeito de Nova Fátima, Nilson Xavier e o deputado Luiz Claudio Romanelli estiveram hoje com o presidente do Tribunal de Justiça, Des. Paulo Roberto Vasconcelos, para solicitar a construção de uma nova sede para a comarca instalada na cidade. Atualmente, o fórum de Nova Fátima funciona em um prédio antigo e com pouco espaço, que não suporta a capacidade de atendimento.

Para o deputado Romanelli, o novo fórum é importante pelo fato de melhorar e facilitar o acesso à Justiça. “Hoje, a comarca de Nova Fátima atende uma região de quase 50 mil pessoas e essa obra se faz necessária para que a população tenha um atendimento rápido e eficiente. O acesso à Justiça é um dos requisitos básicos para a cidadania.”, disse Romanelli.

Segundo o prefeito Nilton Xavier, o projeto para o novo fórum já está pronto, inclusive com um terreno doado pelo município. “O próximo passo é a licitação pelo Tribunal de Justiça. Há muito tempo esperamos por esta obra que certamente tratá benefícios para toda a região”.

Já o Desembargador Paulo Roberto Vasconcelos, lembrou que o Tribunal de Justiça está implantando novas diretrizes para a construção dos edifícios nas comarcas e que o obra de Nova Fátima seguirá essas normas. “Estamos procurando instalar fóruns que se adequem ao novo momento por que passa o sistema judiciário. Hoje todas os processos de primeira instância já são eletrônicos, o que diminui a demanda de espaço e trabalho”, destacou.

“Tocaremos o projeto, ele não ficará parado. E se for o caso irei pessoalmente ao município para verificar a situação”, completou o magistrado. Também participaram da reunião o juiz da Comarca de Nova Fátima, Alberto Moreira Cortes Neto e representantes da OAB e Câmara Municipal.

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Populares pedem melhorias no calçamento da praça central

População de Assaí reclama da falta de manutenção do calçamento da praça central da cidade, localizada ao lado da Igreja da Matriz.

Há vários trechos danificados, prejudicando a circulação de pessoas principalmente em momentos de celebração naquele templo católico.

O problema tem sido observado por alunos, por trabalhadores e população em geral, por pessoas que frequentam aquela praça ou mesmo para quem segue da rua Manoel Ribas rumo à avenida Rio de Janeiro.

Fonte: Revelia

quarta-feira, 13 de maio de 2015

Tuti Bomtempo e Edimar Santos tratam de eleições 2016

Os empresários Tuti Bomtempo, de Assaí, e Edimar Santos, de Santa Cecília do Pavão se encontraram na manhã de sábado (09) e trataram sobre bastidores da eleição municipal de outubro de 2016.

A conversa girou também em torno da atual crise econômica e assuntos locais e da região.

O encontro aconteceu na avenida Rio de Janeiro, na esquina da Bike Radical, onde tradicionalmente o ex-prefeito Tuti Bomtempo passa para conversar com o proprietário da loja, Jarbas Pomin, e aproveita para saudar a população assaiense que passa por lá.

Tuti Bomtempo e Edimar Santos ocuparam o cargo de prefeito à mesma época, por dois mandatos, entre 2005 e 2012.

Para 2016, há possibilidades de Bomtempo e Edimar Santos participarem do mesmo grupo que vai lançar candidato a prefeito de Assaí.

terça-feira, 12 de maio de 2015

Pediatras e diretor do hospital deixam cargos públicos em Assaí

Os médicos pediatras Albanira Figueiredo Pançan e José Luís Pançan não mais fazem parte do quadro de funcionários públicos de Assaí. Eles deixaram seus cargos a partir de 1º de maio de 2015.

Dessa forma, fica prejudicado o atendimento em pediatria principalmente em postos de saúde da cidade.

Ainda no setor de saúde, houve também a exoneração do ex-prefeito de Santa Amélia, Roderjan Luiz Inforzato, que atuava como diretor do Departamento de Farmácia do Hospital Municipal de Assai, desde 26 de março de 2014.

Edição desta sexta-feira (08) do Diário Eletrônico do Município traz ainda a exoneração de Jhonny Gleyson Rossil Silva que ocupava o cargo público de diretor do Departamento de Engenharia, lotado na Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos.

domingo, 10 de maio de 2015

Tribunal de Justiça inocenta Edimar Santos da prática de nepotismo

Seguindo voto do relator Márcio José Tokars, desembargadores da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) decidiram, por unanimidade, arquivar a ação judicial que investigava possível nepotismo praticado pelo ex-prefeito Edimar Aparecido Pereira dos Santos, de Santa Cecília do Pavão.

A ação civil pública se destinava a apurar possível ilegalidade da nomeação da procuradora jurídica do município Conceição Aparecida Veroneze da Luz em cargo comissionado (sem a aprovação em concurso público), uma vez que aquela servidora era esposa do então presidente da Câmara de Vereadores, Isaias da Luz (PMDB).

Ao analisar a questão, o Tribunal de Justiça entendeu correta tal nomeação em cargo comissionado, visto que o município de Santa Cecília do Pavão já contava com outro cargo de advogado com provimento por concurso público efetivo.

Ainda segundo o TJ-PR, "também não resta configurado nenhum crime, já que, ante as provas coligidas nos autos, não há indícios de que a Procuradora Jurídica do Município nomeada tenha qualquer parentesco até o 3º grau com o prefeito que a nomeou ou qualquer outro servidor do Poder Executivo Municipal ou elementos que aponte para ocorrência de um nepotismo cruzado entre os poderes executivo e legislativo".

sábado, 9 de maio de 2015

Campanha da vacinação da gripe na região


Edimar Santos, Dib Canônico e Sergio Pitão
Aconteceu o lançamento da Campanha Estadual de Vacinação da Gripe. O evento ocorreu nas dependências do Clube Recreativo Uraiense e reuniu prefeitos, secretários e diretores de Saúde dos 21 municípios que integram a 18ª Regional de Saúde do Paraná e também com a presença do representante do Governo do Estado Edimar Santos que destacou o empenho do governo do Estado e os investimentos na área da saúde. As autoridades foram saudadas pelo prefeito de Uraí, Sérgio Henrique Pitão, que agradeceu a presença dos convidados e destacou o empenho de todos nesta importante campanha. 

Para o atual chefe da Regional de Saúde, o Odontólogo Luiz Alberto Dib Canonico, esta campanha deverá movimentar milhares de pessoas em toda a região. Ele pediu empenho de todos os responsáveis pela saúde dos municípios para que mais uma vez, o estado atinja os índices alcançados em anos anteriores.

Fonte: Joel Vieira / Tribuna da Serra

sábado, 2 de maio de 2015

Funesplan incentiva o esporte amador

A equipe do FUNESPLAN sagrou-se vice-campeã na Copa Regional de Futebol Suíço de Assai, o jogo decisivo terminou empatado em 1x1 com o time da Decore/Assai, que tinha a vantagem do empate. 

O gerente Bruno Gaviioli agradeceu a todos na rede social "Quero Parabenizar todos os Jogadores da Equipe FUNESPLAN/FARMASANTOS/ MUTRETA pelo Vice Campeonato da Copa Assai de Futebol Suíço conquistado ontem. Depois de fazer um Grande Campeonato, apesar das muitas dificuldades encontradas ao longo da competição, chegam. a Final! Fizemos um Grande Jogo, e que Jogo, vencíamos, mandávamos no Jogo e perdemos muitos Gols. 

E Infelizmente levamos o Gol de empate faltando Segundos para acabar o Jogo, e mais Infelizmente ainda, não sei o porque o Adversário tinha a vantagem do Empate! Mais enfim, Parabéns Galera, Parabéns a Torcida que nos Apoiou e sempre nos Apoia e OBRIGADO mais uma vez Edimar Santos pelo grande Apoio que você da ao Esporte".

Romanelli e Alex Canziani parabenizam Assaí pelos 83 anos

Do Revelia - Nesse feriado de 1º de maio, no Dia do Trabalhador, o deputado estadual Luiz Cláudio Romanelli (PMDB) e o federal Alex Canziani (PTB) prestam homenagem aos 83 anos de emancipação política do município de Assaí.

Segundo Romanelli, "seguimos trabalhando com aqueles que acalentam o progresso neste município. Continuamos trabalhando para que , a cada dia, essa cidade seja melhor para todo o seu povo, para as crianças, jovens, adultos e pessoas da terceira idade".

Para o deputado Alex Canziani, "Assaí só é uma comunidade forte por causa de seu povo trabalhador, que acorda cedo, luta todos os dias, e acredita em suas potencialidades".

Para Assaí, Romanelli e Alex Canziani têm um especial significado, por serem deputados que durante vários anos conquistaram importantes obras para o município, principalmente em parceria com o então prefeito Michel Ângelo Bomtempo e com a ex-primeira dama Neusa Bomtempo, que esteve à frente do Provopar, com seu trabalho social.

ASSAÍ: Agentes comunitários de saúde cobram aumento de salário prometido

Do Revelia - Agentes comunitários de saúde (ACS) e agentes de combate a endemias (ACE) de Assaí tiveram uma surpresa ao receber o holerite referente ao salário do mês de abril.

É que a prefeitura não repassou para aqueles trabalhadores o piso salarial de R$ 1.014,00, conforme prometido pela administração municipal em 30 de março de 2015.

O piso de R$ 1.014,00 foi estabelecido pela Lei nº 12.994, de 17 de junho de 2014, sancionada pela presidente Dilma Rousseff.

Desde julho de 2014, inúmeras cidades - inclusive Nova Santa Bárbara e Cornélio Procópio - já pagam aquele valor a seus agentes comunitários de saúde e de endemias.

No entanto, somente em 30 de março de 2015, o município de Assaí anunciou oficialmente o início do pagamento do piso salarial à categoria, por meio do prefeito Luiz Alberto Vicente (PSDB).

Inclusive naquela ocasião, o site oficial do município retratou que o "o novo salário passa a R$ 1.014,00 (um mil e quatorze reais), e entra em vigor a partir do mês de abril. O salário será atribuído aos cargos de agente comunitário de saúde e agente de combate á endemias, pela jornada de trabalho de 40 (quarenta) horas semanais".

Só que o holerite referente ao mês de abril chegou em mãos daqueles servidores nesta quinta-feira (30), sem menção alguma aos R$ 1.014,00.

Além de considerar que a administração não cumpriu o prometido, agentes comentam que falta de pagamento do piso salarial traz alguns incômodos principalmente a trabalhadores que haviam feito gastos já esperando por um salário maior.

Alex Canziani repudia ação do governo do Paraná contra os professores

A violência contra a manifestação dos professores ontem em Curitiba foi intolerável e deve ser repudiada. Se houve provocação por parte de setores radicalizados do movimento sindical ou infiltração de baderneiros na manifestação, devem ser devidamente apuradas e seus responsáveis, punidos exemplarmente, mas não podemos deixar de admitir que houve uma operação exagerada por parte das forças de segurança, com emprego desmedido de armas não letais e bombas de dispersão, caso que também deve ser apurado e tomadas as devidas providências. O cenário de guerra que tomou conta da capital envergonhou a população do Paraná e a todos que militamos pela causa da educação.

Precisamos, portanto, de um novo interlocutor no governo para tratar com os professores e servidores da educação, sendo fundamental, no meu entender, a substituição do atual secretário da SEED, de forma que instauremos um novo momento, construtivo, na educação do Paraná.

A solução para os conflitos, reiteramos, deve ser sempre a negociação. Governo e representantes dos professores precisam desarmar os espíritos e conversar, e neste aspecto continuo à disposição, como sempre estive. Vamos construir um novo caminho!

Alex Canziani
Deputado Federal – PTB-PR
Presidente da Frente Parlamentar da Educação do Congresso Nacional
Ocorreu um erro neste gadget