Fan Page | Edimar Santos

terça-feira, 9 de julho de 2013

Diretor da 18a. Regional de Saúde visitou Hospital de Ribeirão do Pinhal

Edimar Santos e irmã Dirce no hospital de Ribeirão do Pnhal
No último dia 06 de julho o Diretor da 18ª Regional de Saúde de Cornélio Procópio Edimar Aparecido dos Santos esteve juntamente com o vereador de Santa Cecília do Pavão Maurão e o repórter Augusto Freitas,estiveram visitando as instalações do Hospital Maternidade, que, hoje é administrado pela Irmã Dirce, tendo como assistente administrativa Daniele. Na oportunidade a Irmã Dirce esteve mostrando todos os trabalhos que estão sendo desenvolvidos, bem como as reformas que estão sendo executadas. 

Na visita, o diretor da 18ª Regional, ao tomar conhecimento dos trabalhos que ali se realiza, ficou entusiasmado com o que viu, destacando que é um exemplo para todos: Reforma completa no hospital, horta, cozinha,banheiros em todos quartos, promoções que são realizadas, como a barraca que é instalada todos os sábados na Praça Central com vendas de salgados e verduras, que, segundo irmã Dirce são arrecadados em torno de 700 reais por sábado no que ajuda em muito para custear as despesas do hospital. 

Edimar se prontificou em buscar ajuda juntos aos departamentos estadual, federal e municipal. Ribeirão do Pinhal pertence a Décima Oitava Regional de Saúde de Cornélio Procópio. VEJA MAIS FOTOS E >>>>








CONHEÇA O HISTÓRICO DO HOSPITAL: A fundação do Hospital se deu no dia 27 de junho de 1949, disponibilizando uma pequena ala com 2 enfermarias e uma pequena sala cirúrgica.

Em 1954, chegou á Ribeirão do Pinhal, o Dr. Fernando Cezar de Oliveira, médico cirurgião. Sensível às necessidades do povo e consciente de sua missão como médico logo sentiu a necessidade de ter um hospital no município para o tratamento das pessoas doentes. Não tendo capital próprio, reuniu os líderes do povo riberopinhalense e assim, se constituiu a Sociedade Beneficente de Ribeirão do Pinhal. No mesmo ano, foi iniciada a construção da ala esquerda do hospital.

Dr. Fernando já conhecia as Irmãs Filhas de Caridade e teve a idéia de ir a Curitiba para falar com a Irmã Provincial, na ocasião, Irmã Estanislava Perz e solicitou Irmãs para o hospital, a administração e os cuidados dos doentes. A Irmã Provincial, diante das colocações do Dr. Fernando ficou muito sensibilizada para atender seu pedido e marcou a data para o envio de 3 Irmãs.

A chegada das Irmãs aconteceu no dia 5 de agosto de 1957, sendo: Irmã Lidovina Bertuol, Irmã Severina Seraglio e Irmãs Gema Pisini, acompanhadas pela Irmã Joana Patrzyk, membro do Conselho Provincial.

Aos 13 dias do mês de maio de 1959, reuniram-se os membros do Conselho Provincial para análise dos Estatutos do Hospital e propostas de melhoria e ampliação.

Aos 12 dias do mês de julho de 1977 chegou a primeira enfermeira no hospital, a Irmã Josefa Naconeczy para assumir o serviço de enfermagem neste hospital. Procurou contribuir para a diminuição da mortalidade infantil que assombrava a pequena cidade.


A partir de 1997, intensificaram os treinamentos – cursos de 18 horas: Promoção e Manejo do Aleitamento Materno. Foram realizadas duas Avaliações Prévias por Delegações da UNICEF, em agosto de 2000 e setembro de 2002, tendo sido orientado sobre a implementação dos Dez Passos para o sucesso do aleitamento. Em novembro de 2002, realizou a Avaliação Global, cujo resultado, foi reconhecido “Hospital Amigo da Criança” pelo Ministério da Saúde, 7 de abril de 2003, com a presença do Sr. Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, a cerimônia solene de entrega da Placa a 22 hospitais do Brasil, dentre estes, o Hospital e Maternidade de Ribeirão do Pinhal.

TI - FINALIDADES: O Hospital presta assistência de saúde em regime ambulatorial e de intemação, promovendo o bem estar fisico, social e mental do cliente/familia/comunidade.

Mantém convênio com o Sistema Único de Saúde - SUS, UNIMED, CASSI, Gralha Azul, Fundação SANEPAR.

Dispõe de recursos humanos habilitados e treinados dentro das possibilidades para prestar o melhor atendimento possível ao cliente/família/comunidade.

Mantém, dentro das possibilidades os métodos de diagnóstico e terapêutica que proporcionem segurança e qualidade, tanto na elucidação quanto ao tratamento das diversas patologias.

Dispõe de instalações e equipamentos adequados, em condições de conservação e funcionamento.

Coopera com a comunidade e órgãos públicos na divulgação e execução de ações de educação em saúde, promoção da saúde e prevenção de doenças e agravos.

VISÃO/SONHO DO HOSPITAL: O ideal comum a ser atingido é ser um Hospital geral, auto-sustentável e de referência na micro-região do norte Pioneiro do Paraná, comprometido com o desenvolvimento permanente da qualidade do atendimento, na busca da excelência médica, hospitalar e administrativa, na ótica da atenção máxima ao cliente.

FILOSOFIA DO HOSPITAL: A filosofia do Hospital consiste em recriar o jeito de Jesus nos cuidados ao cliente/comunidade, a exemplo de São Vicente de Paulo e Santa Luiza de Marilac. Para isto, nos comprometemos com esta filosofia, sintonizados com os seguintes princípios: priorização do cliente, integralidade, qualidade da assistência e hierarquização.


1.1. PRINCÍPIOS: Priorização do cliente - O alvo das atividades e ações desenvolvidas no Hospital é a saúde do cliente/comunidade, em beneficio do qual, deveremos agir com o máximo desvelo e competência profissional.


Integralidade - O homem é um ser integral, bio-psico-sociaI, necessita receber uma assistência também integral, no sentido da promoção e recuperação da saúde.


Qualidade da assistência - É uma preocupação constante da direção do Hospital, o resgate da dignidade pessoal, o constante aprimoramento técnico-científico, ético e cristão dos profissionais, proporcionando-Ihes as condições de trabalho compatíveis com as exigências atuais, a prática de melhores métodos e terapias possíveis em beneficio do bem estar do cliente/comunidade.

Hierarquização - O Hospital, como instituição, estará sempre acima dos interesses individuais das pessoas que dele participam, dos profissionais e funcionários.


1.2.VALORES: Caridade/Solidariedade - Amor/solidariedade ao cliente/comunidade espelhando-se em Jesus Cristo, mantendo um relacionamento interpessoal saudável entre os membros da equipe hospitalar e o cliente/comunidade. Respeito pela dignidade humana, valorizando a primazia da vida e a importância do trabalho em equipe.

Integralidade - Conduta honesta e correta, observando os mais elevados padrões éticos, morais e cristãos.

Eficiência - Prudência no uso dos recursos, reduzindo perdas e custos sem comprometer a qualidade dos serviços.

Eficácia - Compromisso com a qualidade da assistência num trabalho na linha da integralidade e interdisciplinaridade conforme as expectativas do cliente/comunidade.

1.3. ESTRUTURA:  Área física: 624 m2.
1.4. Qúadro Funcional:

Irmãs: 06 - Sendo uma Irmã liberada em tempo integral para os serviços da Creche e Cantinho da Amizade; Funcionários: 35 . Médicos: 05

1.5. Serviços:
Serviços Médicos / Clínica Médica / Clínica Cirúrgica / Clínica Ginecológica e Obstétrica / Clínica Pediátrica / Laboratório de Análises Clínicas - Terceirização / Radiologia - vIDculada à lSa Regional de Saúde / Agência Transfusional - vinculação à Unidade de Coleta e Transfusão de Procópio - lSa Regional de Saúde.


1.6. Serviços de Enfermagem: Intemação / Ambulatório, Urgências e Emergências / Centro Cirúrgico e Obstétrico / Centro de Esterilização e Materiais.

1.7.COMISSÕES:  As Comissões são formadas por equipe interdisciplinar, designadas para o estudo e solução de determinadas situações, com funções opinativas, nonnativas, educativas, regulamentadas pelo Regimento Interno do Hospital.


Comissão de Controle de Infecção Hospitalar - CCIH

O Hospital dispõe de CCIH, equipe multidisciplinar que desenvolve o PCIH, com autonomia para decidir assuntos relacionados com o controle de infecção hospitalar, regulamentado pela Portaria do MS n° 2.616/98.

Programa de Aleitamento Matemo - Iniciativa Hospital Amigo da Criança - IHAC MS/UNICEF.

O Hospital foi contemplado "Hospital Amigo da Criança", por ter cumprido na integra, os Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Matemo. Recebeu a Placa no 07 de abril de 2003, durante a Cerimônia alusiva ao Dia Mundial da Saúde, em São Paulo. A Cerimônia local de Descerramento da Placa foi realizada no Hospital, no dia 14 de maio do corrente.

Programa de Educação Continuada - O Hospital desenvolve ações de Educação Continuada dos profissionais e ocupacionais mediante cursos, treinamentos, supervisão e orientação em serviço. Proporciona condições para desenvolver competências, habilidades e atitudes para exercerem com eficiência o próprio trabalho. Favorece a participação em Congressos, Seminários e outros eventos.

Comissão Interna de Prevenção de Acidentes - CIP A

1.8. PASTORAL DA SAÚDE: A Pastoral da Saúde se reporta diretamente à Diretoria Administrativa do Hospital, cujo objetivo: atender as necessidades psico-espirituais do cliente/comunidade e profissionais:

Oferece aos clientes internados ou à domicílio o conforto da fé e da esperança em Deus, ajudando-o a encontrarem o verdadeiro sentido da vida.

Possibilita a recepção dos sacramentos, quando desejarem, preparando-os dignamente e oportunizando momentos de formação religiosa à equipe hospitalar.

Desenvolve um trabalho integrado às demais ações, favorecendo um ambiente harmonioso no Hospital

Visita os clientes internados e também à domicílio, acompanhando, de modo especial os que estão em situação crítica.

Orienta o cliente/familía sobre o sentido da doença, sofrimento e atenção ás necessidades materiais.

Assiste os familiares e demais pessoas por ocasião de falecimento de seus membros queridos.

Reflete com os clientes e familiares sobre o sentido da vida, da dor e da confiança em Deus.

Programa celebrações e confraternizações com os funcionários, participação festividades e promoções da Paróquia. Zela pela humanização e evangelização do ambiente hospitalar, visando o bem estar de todos: clientes/família, profissionais, funcionários e colaboradores.

Favorece política de saúde, humanização da assistência, resgate da dignidade humana, alimentando a fé e a esperança.

1.9. SERVIÇOS DE HOTELARIA: Nutrição e Dietética / Processamento de Roupa . Higiene e Limpeza / Manutenção e Transporte.

Mais fotos e informações no blog do Augusto Freitashttp://bit.ly/1aloPOC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget