Fan Page | Edimar Santos

terça-feira, 18 de março de 2014

Rede Mãe Paranaense é apresentada no Fórum de Política de Saúde do Quênia

Marcia Huçulak
Convidada pelo Governo Queniano, a superintendente da Secretaria Estadual de Saúde, Márcia Huçulak, apresenta no Fórum de Política de Saúde do Quênia, a Rede Mãe Paranaense. O fórum acontece entre os dias 18 a 20 de março, em Nairóbi, capital do país. A Rede foi lançada em maio de 2012, no Paraná, e em dois anos trouxe a redução de 42% das mortes maternas no estado. As mortes infantis também reduziram significativamente. 

A apresentação do Paraná foi indicada pelo Banco Mundial, que financia projetos em 15 estados do país e considerou a Rede Mãe Paranaense a experiência mais exitosa, tanto na organização da rede quanto no alinhamento com as políticas nacionais. 

“Atualmente o serviço de saúde na África é centralizado e o governo quer caminhar para a implantação de sistema de saúde universal, como é no Brasil. Eles deverão começar este processo pela área materno-infantil e nos convidaram para apresentar a Rede Mãe Paranaense”, afirmou a superintendente. 

A Rede Mãe Paranaense propõe a organização da atenção materno-infantil nas ações do pré-natal, parto e puerpério e o acompanhamento do crescimento e desenvolvimento das crianças, em especial no seu primeiro ano de vida.

A rede preconiza a captação precoce da gestante, o seu acompanhamento no pré-natal, com no mínimo seis consultas, a realização de exames, a classificação de risco das gestantes e das crianças, a garantia de ambulatório especializado para as gestantes e crianças de risco, a garantia do parto por meio de um sistema de vinculação ao hospital conforme o risco gestacional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget