Fan Page | Edimar Santos

terça-feira, 3 de junho de 2014

Richa entrega dez leitos de UTI na Santa Casa de Bandeirantes

O governador Beto Richa inaugurou nesta sexta-feira (30) dez leitos de UTI para adultos na Santa Casa de Bandeirantes, no Norte do Estado. São os primeiros leitos de UTI instalados na cidade para atendimento a pacientes do Sistema Único de Saúde. O governador também autorizou o início das obras de construção de uma nova sede para o colégio estadual Bairro Boa Vista, entregou moradias para 48 famílias do município e autorizou convênio para construção de um centro de distribuição e comercialização de frutas e hortaliças, que atenderá pequenos produtores de 49 municípios da região.

Ao lado do prefeito, Celso Benedito da Silva, o governador disse que a parceria do governo estadual com os municípios, torna possível melhorar o atendimento à saúde, mesmo com recursos escassos. “Aqui em Bandeirantes, a instalação dos leitos de UTI materializa um sonho da população”, afirmou o governador. O hospital atende 3 mil pacientes por mês, sendo 95% pelo SUS. Até então, sem leitos de UTI, os pacientes tinham de ser levados para hospitais de Londrina e Arapongas.

“As UTIs respondem as necessidades da Santa Casa de Bandeirantes. Com o apoio do Governo do Estado, os leitos consolidam um trabalho planejado há muito tempo”, afirmou Celso Benedito da Silva. “Saúde publica e emprego são os principais reclames da população brasileira”, disse ele.

O secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto, disse que a instalação de UTIs também permitirá que a Santa Casa possa realizar cirurgias. “A estrutura começa bem equipada e com equipe multiprofissional, formada por médico e quatro enfermeiros e mais o apoio de médicos especialistas”, disse ele. Ele disse que, além da estrutura física, serão investidos R$ 2 milhões em equipamentos, respiradores mecânicos, monitores paramédicos, camas e outros aparelhos.

Os leitos de UTI adulto também fortalecem a Rede Urgência e Emergência na região, que desde 2012 já conta com o sistema de transporte e atendimento pré-hospitalar do Samu Regional do Norte Pioneiro. Ao todo, são 13 ambulâncias, sendo três UTIs móveis, que atendem a população de 31 municípios.
MAIS QUALIDADE - Só com recursos próprios, a Santa Casa não conseguiria instalar os leitos de UTI, segundo afirmou a diretora da entidade, Carlota Rensi Meneguel. “Vamos poder oferecer mais qualidade ao atendimento dos nossos pacientes e reduzir as transferências de pacientes para hospitais de outras cidades”, disse ela.

Nos últimos três anos o Paraná teve ampliação de 45% no número de leitos de UTI para pacientes do SUS. “Isso representa mais 600 novos leitos”, afirmou o governador Beto Richa. Os novos leitos não estão concentrados apenas em grandes centros, mas atendem também municípios do interior.

Richa destacou outros avanços na área da saúde, como a queda de 40% no índice de mortalidade materno-infantil. Até o fim de 2014, o governo estadual irá construir, reformar ou ampliar 400 unidades da saúde da família. Até abril deste ano já foram destinados recursos para 255 unidades.

Os serviços do SAMU, antes presentes em 15 municípios, agora atendem a população de 300 municípios. De acordo com dados do Ministério da Saúde, o Paraná passou do 10º para o 3º lugar no ranking de transplantes em todo o território nacional, graças à instalação de infraestrutura adequada e da agilidade no transporte de órgãos, feito pela frota aérea estadual. Hoje, 70% dos deslocamentos da frota aérea do estado são para serviços de saúde.

HABITAÇÃO – As novas moradias entregues pelo governador Beto Richa e pelo presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Mounir Chaowiche, são dos residenciais Mário Sérgio Messias da Silva (13 unidades) e Dejalmiro Rodrigues de Souza (35). O investimento total foi de R$1,4 milhão.

As novas moradias Bandeirantes fazem parte do programa Minha Casa Minha Vida Sub 50, modalidade que atende municípios com até 50 mil habitantes. São famílias com rendimento de até R$ 1,6 mil por mês. As prestações pagas pelos beneficiados equivalem a 5% da renda familiar.

Na área urbana, outras 202 casas estão em obras. A parceria entre os governos estadual, federal e municipal também está construindo 47 moradias no campo e há projeto para mais 13. Até o momento, 18 famílias já foram atendidas com moradias rurais. Os investimentos totais em habitação em Bandeirantes são de R$11 milhões.

“Hoje a Cohapar está presente nos 399 municípios paranaenses. Realizamos o maior programa de moradia popular da história do Estado”, disse o governador. O presidente da Cohapar afirmou que a meta do programa de habitação do Paraná é atender, até o final deste ano, 110 mil famílias. Nos 399 municípios do Estado já foram contratadas 65 mil moradias e 55 mil estão em projeto. O atendimento com titulação de imóveis e regularização fundiária beneficia 28 mil famílias.

NOVA ESCOLA - A nova sede do Colégio Bairro Boa Vista, cujas obras de construção foram autorizadas pelo governador, vai atender 1.400 alunos em três turnos. O novo prédio tem quase 5 mil metros quadrados e vai receber investimentos de R$ 5,1 milhões. O prédio terá 14 salas de aula, nove salas administrativas, cozinha, pátio coberto, biblioteca e quadra poliesportiva coberta. A escola também contará com recursos de acessibilidade como rampa de acesso para alunos cadeirantes, elevadores e pista tátil.

A diretora da escola, Elizabeth Benedita Augusto, disse que hoje são atendidos 285 alunos e que hoje ela funciona em dualidade administrativa com uma escola do município. “Com a nova estrutura, além de mais conforto e segurança para os alunos, também as atividades poderão ser ampliadas. Alguns projetos extra curriculares não aconteciam por falta de espaço. Agora vamos poder ofertá-los nos três turnos", disse ela.

AGRICULTURA - O Centro de Distribuição e Comercialização de Frutas e Hortaliças que será instalado em Bandeirantes receberá investimentos de R$ 76 mil do governo estadual e mais R$ 4 mil da prefeitura. Com a estrutura, o objetivo é promover a integração entre a demanda e a oferta de produtos, com geração de oportunidades para a cadeia produtiva da olericultura local e de municípios vizinhos. O fato de ter um Centro de Distribuição e Comercialização vai organizar os produtores para entregarem produtos de acordo com o padrão solicitado.

“O governo estadual presta forte apoio à agricultura, que é um dos pilares da economia do Estado”, afirmou o governador. Ele ressaltou que os produtores familiares da região já recebem, também, calcário agrícola para correção de solos, e programas para melhoria de estradas rurais, como o repasse de óleo diesel para uso em máquinas de patrolamento. “Em breve, chegará a Bandeirantes a Patrulha do Campo, que reforçará o trabalho de adequação das estradas rurais, beneficiando produtores e moradores da área rural”, afirmou Richa.

PRESENÇAS – Participaram do evento com o governador em Bandeirantes o secretário estadual do Trabalho, Emprego e Economia Solidária, Amin Hanouchi; o presidente do Instituto Ambiental do Paraná, Luiz Tarcício Mossato; os deputados estaduais Luíz Cláudio Romanelli, Luiz Eduardo Cheida, Alex Canziani, Hermas Brandão Junior e Pedro Lupion, prefeitos e lideranças locais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget